sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Jornal Clarin de Buenos Aires abordou a questão da flexibilidade sexual

Publicado no Jornal Clarin de Buenos Aires, do dia 1 de setembro de 2013, páginas 46/48, ilustra que na realidade existem 4 categorias para escolher, na ordem que quiserem.
 1 Homo-sexual
 2 Hetero-sexual
 3 bi-sexual
 4 Hetero-sexual flexível *
 * (descoberta ultimamente)   =>   ou seja NÓS

O que chama a atenção nessa matéria, primeiro não há como negar ela data de 2013 um ano antes do assunto ser descoberto pela mídia brasileira, em 2014; enfim como já se sabe os conceitos g0ys chegaram primeiro na Argentina, apesar de ter sido no Brasil o lugar onde ocorreu a mega explosão em termos de visibilidade. 


Segundo nota-se que o termo g0y foi evitado, apesar de ter sido a tônica da matéria do inicio ao fim. O caso é que não só na Argentina, mas em praticamente todos os países de língua espanhola um termo "exótico" como o termo norte americano g-zero-y o é, não soava bem no idioma espanhol ou causava certa estranheza, pois não possuíra tradução, sabiamente eles traduziram como hetero flexible que nada mais é que o nosso heterogoy made in Brazil.
Detalhes do Jornal impresso não temos acesso, mas um tema ocupar as páginas 46, 47 e 48, tanto aqui no Brasil como em qualquer lugar do mundo mostra a relevância, o impacto e até mesmo a polêmica ou expectativa de repercussão, enfim com certeza tratou-se de uma reportagem de grande destaque no país e logo no primeiro parágrafo ela não foge do cerne da questão:


"(...) buena parte de estos flirteos con el mismo sexo no terminan definiendo 
 una orientación homosexual". 


Apesar de não estar na íntegra, o Clarin disponibilizou um trecho curto da matéria na sua versão on-line: 
http://www.clarin.com/sociedad/Heteroflexibles-nueva-busqueda-placer-. (texto em espanhol)

Apenas para atualizar afinal a matéria é de 2013, hoje há um relativo concenso que o g0y (ou hétero flexível) é um conceito que pega tanto os héteros liberais quanto os homo afetivos não gays.

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

MERDA PLENA!

Com certeza o aspecto da existência dos ex-gays é uma das características mais polêmicas e até mesmo chocante para alguns, mas olha a reação deste homossexual após o depoimento de pessoas que se declaram-se como ex-gays...  e vejam só o que o camarada declarada em relação aos g0ys, bissexuais e transgêneros  e qualquer uma outra categoria que não nos extremos do hétero normativo ou do gay:
 "g0ys, bissexuais, travecos ou qualquer outra coisa são filhos de chocadeira."
E são esses mesmos que levantam a voz para afirmar que o mundo os discrimina..., vitimas ou algozes?
Dá para levar a sério?

domingo, 1 de fevereiro de 2015

Novo site hétero gØy


Agora a América Latina já poderá contar com um novo site na temática gØy, o http://heterogoy.webnode.com/ iniciou suas atividades com textos também en español e pelo conteúdo exibido promete ser um bom guia para os interessados no assunto.


 Vale a pena conferir! E divulgar para os amigos!

 Versão em português
 Sitio web en español

Ahora la América Latina ya puede contar con un nuevo sitio en el tema gØy, lo http://heterogoy.webnode.com/es/ inició ahora sus actividades también con textos en español y el contenido que aparece promete ser una buena guía para los interesados en el tema.

Vale la pena echarle un vistazo! Y promover para los amigos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Publicidade